PORTUGUÊS | ENGLISH  | ESPAÑOL
Menu

FAZENDA DA TOCA

Perfil de cultivo: Sistema agroflorestal (SAF)
Local: Itapira (SP)
Ativo: Citrus, mandioca, banana, eucalipto e mogno africano
Área de plantio: 300 hectares
Início do projeto: 2012
Produtividade: 5 a 8m3/ha
Uso final: venda varejo

 
Sumário executivo do seminário realizado entre 5 e 6 de maio de 2016

O workshop “Silvicultura com espécies nativas: desafios e oportunidades para uma nova economia florestal” e a visita de campo realizados na Fazenda da Toca, no interior paulista, constituíram a última atividade de visita e análise dos primeiros três casos selecionados para criar massa crítica, identificar gargalos e mostrar a viabilidade do reflorestamento com espécies nativas para fins econômicos, no contexto do projeto financiado pela CIFF “Mobilizando Mercados para Capturar Carbono através de Projetos de Reflorestamento com Espécies Nativas para Fins Econômicos no Brasil” (VERENA).

Organizada pela Fazenda da Toca, em parceria com WRI Brasil e UICN, a atividade ocorreu entre 5 e 6 de maio de 2016 e contou com a participação de 56 pessoas, em visita a campo, e de 52, no workshop, entre representantes de empresas privadas, organizações não governamentais, universidades, governo, Banco Mundial e especialistas da área.

O objetivo da visita foi avaliar o empreendimento por meio de análise silvicultural e econômica, a fim de verificar a viabilidade do negócio de plantio de espécies nativas e a possibilidade de replicação do conceito para atender a investidores em potencial.

O workshop deu continuidade à discussão realizada nas duas visitas anteriores (Amata e Symbiosis). O resultado foi um aprimoramento dos temas definidos anteriormente como prioritários para que o reflorestamento com nativas para fins econômicos se concretize em larga escala.